quinta-feira, 21 de julho de 2011

ANTOLOGIA MAR

Desde que tenho o livro ANTOLOGIA MAR de Sopfia de Mello Breyner Andersen, não me canso de ler e reler os poemas nele contidos e este que a seguir transcrevo é mais um dos que me encantam:


Iremos juntos sozinhos pela areia
Embalados no dia
Colhendo as algas roxas e os corais
Que na praia deixou a maré cheia.

As palavras que disseres e que eu disser
Serão somente as palavras que há nas coisas
Virás comigo desumanamente
Como vêm as ondas com o vento

O belo dia liso como um linho
Interminável será sem um defeito
Cheio de imagens e conhecimento

(Sophia de Mello Breyner Andersen)

Sem comentários:

Publicar um comentário